O trabalho em home office também é suscetível ao stress, principalmente se faltar disciplina. Muitas tarefas acumuladas, o fato de estar o dia e a noite no mesmo local (a residência) fazem o stress subir a níveis elevados. Todo mundo passa por momentos de muito trabalho e excesso de responsabilidade, mas antes de entrar em desespero, eu sigo algumas instruções simples que me ajudam muito e espero ajudar outras pessoas também.

A disciplina: cabe a cada indivíduo observar e definir seus horários de maior e menor produtividade. O meu horário de maior produtividade é no início da manhã, então costumo acordar cedo, praticar um pouco de meditação, ler o jornal e iniciar minhas atividades profissionais. Costumo deixar para fazer de manhã as atividades que exigem maior raciocínio lógico e possuem um maior grau de dificuldade. Como acordo cedo, faço minha hora de almoço por volta das 11:30h. Durante aproximadamente uma hora, me desligo totalmente do home office para preparar ou almoço ou sair para almoçar na rua. Em seguida retorno ao trabalho e continuo trabalhando até notar que a produtividade começa a cair (não sou muito produtivo a noite). Ao perceber que a produtividade e a atenção diminuem, faço tarefas mais simples e mecânicas, deixando o que é mais complexo para o início do dia seguinte.

Exercícios físicos e hobbies: é importante praticar uma atividade física ou hobbie. No meu caso ainda não estou praticando exercícios físicos, mas pretendo começar em breve. O simples hábito de fazer alguma coisa diferente do trabalho é estimulante e inspirador. Cabe a cada um definir um hábito que lhe seja prazeroso e ajude a obter inspiração. No meu caso, gosto de meditação e yoga, mas sinto falta de exercícios físicos  e estou procurando uma academia para iniciar em breve. Home office é uma atividade muito solitária e as vezes monótona devido a falta de contato físico com colegas de trabalho. A escolha de um bom hobbie serve para obter inspiração e tornar o dia a dia mais saudável.

Nos momentos de stress e falta de inspiração: assim como em um escritório, home office proporciona momentos de stress e falta de inspiração. Quando isso acontece, geralmente eu faço alguma coisa fora do home office, como ler um jornal ou dar uma volta no quarteirão. Ver pessoas e coisas diferentes podem fazer a inspiração voltar e dar mais ânimo para os momentos de stress. Evito ao máximo ligar a TV, pois isso pode ser um convite a dispersão e acabar de vez com a produtividade. Ouvir músicas leves durante o período de trabalho ajuda também. Outra coisa que costumo fazer nessas horas é pegar o notebook e ir até uma cafeteria ou outro local público. Ver pessoas passando ao seu redor, pode até ajudar a obter inspiração.

Saber separar o home office da vida pessoal: muita gente tem dificuldade de fazer isso e fica recebendo telefonemas de clientes às 11 da noite perguntando se conseguiu terminar aquele relatório. Por esse motivo, tenho uma linha de telefone VoIP que uso apenas para o home office e não passo o telefone residencial para os clientes. É uma maneira que encontrei de ter o home office como algo muito próximo de um escritório e manter a disciplina evitando stress e levando a uma falta de produtividade.

Faça de seu home office um ambiente agradável: por último, é muito bom trabalhar em um local confortável e agradável. O fato do home office ser um cômodo ou local de sua casa, permite que você escolha os móveis e faça a decoração do jeito que desejar. Escolher móveis confortáveis e faça uma decoração agradável. Isso faz muita diferença.

Trabalhar em home office é muito divertido, mas pode levar ao stress, dispersão e outras complicações. É importante esquecer que o home office é uma extensão da residência e adotar pequenos rituais para que o trabalho esteja em dia e o seu cliente (ou chefe) perceba que você está sendo produtivo e incentive a prática de home office. Pequenos hábitos fazem muita diferença.