Aproveitei o dia de hoje para fazer algumas migrações. A primeira foi do WordPress aqui do blog, que foi devidamente migrado para a versão 2.3. Eu gostaria de utilizar um gerenciador baseado em Django, mas devido a falta de tempo para desenvolver e manter um, acabei optando por um já pronto e consagrado como o WordPress. Não tem muitas novidades gritantes, tirando o editor que possui mais itens para formatação de texto, e o campo para utilizar tags, o resto aparentemente é tudo igual. Em relação ao campo de tags, acho que o template que utilizo não trabalha bem com ele, depois vou olhar isso com calma.

A segunda migração foi do meu computador pessoal. Instalei o Ubuntu 7.10, Release Candidate nele. Geralmente quando a distribuição chega nesse ponto, já está bem estável e dificilmente acontece algum problema. A instalação foi bem tranquila, ao estilo da versão anterior. Primeiro vem o live desktop, depois você inicia o instalador clicando no ícone apropriado na tela. O ambiente parece estar mais organizado e o único bug encontrado foi no restricted-driver-manager, que faz o papel de procurar drivers restritos de vídeo ou alguma outra coisa. No meu caso, ao tentar entrar aparecia uma exception Python. Abri um bug report para o pessoal do Ubuntu, vamos ver no que dá. De resto, o desktop está de parabéns.