Fazer gráficos em Python não é uma tarefa difícil. Existem várias bibliotecas com este objetivo, como a Matplotlib, SciPy e outras proprietárias como ChartDirector. As duas primeiras são bem científicas e muito bem documentadas, a terceira é uma solução proprietária, mas oferecer gráficos de vários formatos.

O grande problema da Matplotlib e SciPy é a customização. Seus gráficos padrões são, digamos, não muito bonitos, embora atenda muito bem o seu objetivo principal. Uma outra alternativa é o Gnuplot, que também é excelente, mas também cai no problema da customização para exibir gráficos mais elegantes em sites que muitas vezes são gerados on the fly. O problema dessas bibliotacas é a necessidade de muito código para fazer gráficos simples, sem contar no trabalho de customização para criar gráficos mais bonitos, com degradês e outras frescuras que alegram os olhos dos visitantes.

Descobri a pouco tempo o CairoPlot, uma biblioteca bastante simples, criada por brasileiros e que utiliza a PyCairo para criar seis tipos de gráficos, incluindo gráficos em pizza, donut, barras, linhas, etc. O que mais me impressionou na biblioteca é a simplicidade, com poucas linhas é possível gerar gráficos bonitos e elegantes como o exemplo abaixo:

É uma mão na roda para quem precisa criar gráficos on the fly em sites ou utilizá-los em apresentações.

O download pode ser feito através de um branch do Bazaar, da seguinte forma:

bzr branch lp:cairoplot/1.1

Depois de baixar, basta seguir os exemplos no site da CairoPlot ou estudar o arquivo test.py. Se você conhece Python, em poucos minutos estará criando seus próprios gráficos.

Mais informações: http://linil.wordpress.com/2008/09/16/cairoplot-11/

Post relacionado: Utilizando o Bazaar VCS